Josias de Souza: Liberação do FGTS acontece porque a economia está estagnada

  • Por Jovem Pan
  • 18/07/2019 07h53 - Atualizado em 08/08/2019 19h26
PixabayDe acordo com o presidente Jair Bolsonaro, a notícia deve ser confirmada já nos próximos dias

Bolsonaro diz que a liberação de saques das contas ativas do FGTS será confirmada nos próximos dias. A declaração foi dada nesta quarta-feira (17) ao final da Cúpula do Mercosul, na Argentina, em que o brasileiro assumiu a presidência do bloco pelos próximos seis meses.

Entidades da área de habitação reclamam da decisão do Governo de liberar recursos do Fundo de Garantia sem conversar com o setor. O presidente do Secovi, Basilio Jafet, vê com preocupação a medida já que a maior parte dos empreendimentos são financiados com recursos do FGTS.

“Essa liberação de recursos do FGTS e talvez de uma parte do PIS/Pasep é uma boa notícia que confirma uma péssima constatação. A notícia é boa porque o Governo devolve aos verdadeiros donos parte do dinheiro que é arrancado do trabalhador e é mantido sob a guarda do Estado a título de poupança compulsória, com rendimentos menores do que os obtidos nas aplicações convencionais. A péssima constatação é que essa liberação ocorre porque a economia está estagnada. O Governo injeta dinheiro na economia como medida emergencial para evitar que o ruim fique muito pior. Bolsonaro corre o risco de ser acusado de plágio por Michel Temer, que fez coisa parecida.”