Lula chama intervenção no RJ de “pirotecnia” e vê Temer articular candidatura

  • Por Jovem Pan
  • 21/02/2018 21h47
EFE/Hedeson AlvesSegundo Lula, quando Temer percebeu que não tinha votos na Câmara para aprovar a Previdência, ele decidiu criar um outro espetáculo para fingir para a população que está resolvendo os problemas
Em entrevista à rádio Itatiaia, nesta quarta-feira (21) pela manhã, o petista afirmou que a medida é uma “pirotecnia” do governo. E uma pirotecnia que pode dar errado. Isso porque, segundo Lula, “o Exército não é preparado para enfrentar o narcotráfico nem lidar com bandido em favela”.
Falando sobre a corrida eleitoral desse ano, ele declarou que Temer está encontrando um jeito de ser candidato à presidência. Segundo Lula, quando Temer percebeu que não tinha votos na Câmara para aprovar a Previdência, ele decidiu criar um outro espetáculo para fingir para a população que está resolvendo os problemas.
Horas depois de conceder essa entrevista, o ex-presidente foi a um acampamento do MST e repetiu o discurso. Disse que Temer ‘inventou a questão da segurança para se cacifar para a reeleição’.
No 3 em 1 desta quarta-feira, 21, Patrick Santos mediou um debate sobre o assunto entre Vera Magalhães, Carlos Andreazza e Marcelo Madureira.
Vera destacou que Lula adotou um tom bastante cauteloso na entrevista. Andreazza disse que Lula demorou muito para se manifestar sobre a intervenção. Já Madureira afirmou que o ex-presidente nem deveria ficar dando opinião sobre a vida pública, ainda mais sobre Segurança.