Emílio Odebrecht culpa imprensa e MP por suposta omissão de esquema

  • Por Jovem Pan
  • 19/04/2017 10h07
ReproduçãoEmílio Odebrecht durante depoimento de delação premiada à Lava Jato

Emílio Odebrecht, que desde a semana passada virou um habitué entre os brasileiros com suas narrações explícitas de corrupção que invadiram o noticiário, se recusou a assumir a bronca sozinho.

Durante a delação, o patriarca do grupo também culpou a imprensa e os “Poderes” por uma suposta omissão a respeito do saque de dinheiro público que, segundo ele, vigora há décadas.

Ou seja, na visão do ex-presidente da construtora, imprensa e Ministério Público prevaricaram ao não descobrirem (ou não divulgarem) a falcatrua que se repete desde a época do pai, o finado Norberto Odebrecht.

Estamos falando de um grande esquema de corrupção e lavagem de dinheiro que só entre 2006 e 2014 pagou mais de 3 bilhões de dólares de propinas e caixa 2 a políticos, partidos e agentes públicos.

Todo mundo mesmo sabia disso?

Confira a reportagem completa de Carolina Ercolin: