Agentes da PF prendem angolano que recrutava ‘mulas do tráfico’ em SP

  • Por Jovem Pan
  • 09/11/2018 08h11
Arquivo/Agência BrasilA prisão foi feita assim que o angolano desembarcou em Guarulhos de voo procedente de seu país natal, estando à disposição da Justiça

Ação de inteligência da Polícia Federal deteve, nesta quarta-feira (07), um homem angolano acusado de recrutar pessoas para embarcarem com drogas no Aeroporto Internacional de São Paulo, em Guarulhos.

Essas pessoas, conhecidas como “mulas do tráfico”, se submetem a riscos de saúde e às penalidades da lei, para levar entorpecentes em troca de valores em dinheiro.

Desta vez, as investigações começaram em abril deste ano, quando houve a prisão de um brasileiro de 43 anos, que tentou embarcar para a Namíbia, na África, com mais de quatro quilos de cocaína ocultos dentro de embalagens de produtos cosméticos.

Depois desse caso, o setor de inteligência da Polícia Federal identificou que uma brasileira de 62 anos embarcaria no mês de maio transportando drogas com destino a Angola. Na abordagem os agentes encontraram mais de dois quilos de cocaína ocultos em seu corpo como se fossem tornozeleiras.

Ainda em maio foi identificada a participação de um angolano, solicitante de refúgio, no aliciamento de pessoas na região central de São Paulo. Com a investigação e evidências de seu envolvimento com o tráfico, foi preso com mandado expedido pela 6ª Vara Federal de Guarulhos.

A prisão foi feita assim que o angolano desembarcou em Guarulhos de voo procedente de seu país natal, estando à disposição da Justiça.

*Informações do repórter Fernando Martins