Apoio do BNDES a caminhoneiros deve demorar até 45 dias para começar a vigorar

A linha de crédito vai oferecer até R$ 30 mil para cada caminhoneiro para investimentos

  • Por Jovem Pan
  • 22/04/2019 06h16
Tânia Rêgo/Agência BrasilO montante será repassado pelo BNDES a bancos associados

Em meio à ameaça de uma nova greve dos caminhoneiros no país, uma notícia coloca mais “lenha na fogueira”. O programa lançado na última semana pelo Governo de financiar em R$ 500 milhões os caminhoneiros que rodam pelo país vai demorar para entrar em prática.

Comenta-se dentro do BNDES de que a medida pode levar no máximo 45 dias para começar a vigorar. A linha de crédito vai oferecer até R$ 30 mil para cada caminhoneiro para investimentos.

Entretanto, o montante será repassado pelo BNDES a bancos associados. Existe a necessidade de adaptação de sistemas do BNDES aos bancos e vice-versa para que a linha de crédito entre em vigor.

*Informações do repórter Rodrigo Viga