Após Bolsonaro, presidente da Colômbia também apoia reeleição de Macri

  • Por Jovem Pan
  • 11/06/2019 08h56
Agência EFEOs líderes da Colômbia e Argentina aproveitaram a oportunidade para reforçar o compromisso com a Venezuela

O presidente da Colômbia, Iván Duque, sinalizou preferência pela reeleição de Mauricio Macri na Argentina. Os dois chefes de Estados se encontraram nesta segunda-feira (10), em Buenos Aires.

Assim como Jair Bolsonaro, Duque expressou simpatia pela candidatura do atual presidente argentino frente a oposição kirchnerista e disse que a reeleição será fundamental para a América Latina.

Após uma reunião na Casa Rosada, os dois presidentes deram um pronunciamento e não aceitaram perguntas dos jornalistas. Mauricio Macri aproveitou para reforçar o profundo compromisso com o povo venezuelano. “Ajudar a fazer o impossível para restabelecer a democracia, terminar com esse usurpador do Nicolás Maduro que está afetando seriamente a vida de milhões de venezuelanos.”

Iván Duque se mostrou otimista com o futuro da Venezuela e que afirmou que o presidente argentino é um grande aliado de uma causa justa e necessária.

Argentina, Colômbia e outros 10 países, entre eles o Brasil, fazem parte do Grupo de Lima, que desde o ano passado analisa e acompanha a crise venezuelana. A maioria dos integrantes do bloco reconhece Juan Guaidó como presidente interino do país.

* Com informações da repórter Natacha Mazzaro