Após elogios de Temer, Alckmin defende urgência da aprovação da reforma da Previdência

  • Por Jovem Pan
  • 12/01/2018 06h54
EFEAo defender a urgência da aprovação da Reforma da Previdência, Geraldo Alckmin retribuiu o aceno do presidente Michel Temer

O governador de São Paulo saiu em defesa da Reforma da Previdência para este ano. Geraldo Alckmin afirmou discordar do economista Roberto Gianetti, que defendeu as mudanças para o novo Governo, em 2019.

O empresário faz parte do grupo de elaboração de programa de Governo do presidenciável tucano. A fala do governador foi durante a inauguração da reforma das quadras poliesportivas da Vila Olímpica Mário Covas, na capital paulista.

Alckmin ressaltou que a executiva nacional do PSDB já fechou questão, por unanimidade, pelas mudanças na aposentadoria: “entendo que reforma deve ser votada neste ano, de preferência em fevereiro. Nossa posição é claríssima, é favorável”.

Ao defender a urgência da aprovação da Reforma da Previdência, Geraldo Alckmin retribuiu o aceno do presidente Michel Temer, que em entrevista ao jornal “O Estado de S. Paulo”, demonstrou simpatia pela candidatura do tucano.

Para Temer, o governador preenche os requisitos de “segurança e serenidade” para concorrer ao Planalto.

*Informações da repórter Natacha Mazzaro