Brasileiros devem recorrer ao cartão de crédito para garantir presente do Dia dos Namorados de última hora

  • Por Jovem Pan
  • 12/06/2019 07h22
ReproduçãoLojistas esperam aumento de 3% nas vendas

A maioria dos brasileiros deve gastar até R$ 200 e pagar com cartão de crédito o presente de Dia dos Namorados.

A conclusão é de uma pesquisa encomendada pela Alshop, a Associação Brasileira de Lojistas de Shoppings, que ouviu 1.500 pessoas por telefone.

34% dos entrevistados afirmaram que vão gastar de R$ 100 a R$ 200.  Já 23% afirmou pretende gastar um pouco menos, entre R$ 30 e R$ 100.

O gerente de marketing Eduardo Bizzi foge da estatística, ele gastou novecentos reais numa jaqueta porque já teve problemas no passado.

“Já comprei mais barato, despelou a jaqueta, não foi legal. Então comprei uma mais cara pra pelo não ter dor de cabeça de jeito nenhum”, explicou.

A pesquisa apurou que o cartão de crédito é forma preferida de pagamento de 54%, seguido pelo pagamento à vista. A compradora Camila Pavon vai dar uma calça e uma blusa para o namorado e escolheu parcelar a aquisição.

“Eu acho que é mais fácil porque você paga sem sentir tanto, não paga de uma vez, dividir em algumas parcelas facilita”, disse.

E tem namorado que vai dar mais de um presente. O universitário Carlos Eduardo de Sousa Andrade vai dar chocolates e o ingresso de um show para a companheira porque ela merece. “A lembrança vale do coração, mas vale também dar um algo a mais, ela merece.”

Além dos namorados, os lojistas de shopping esperam um bom presente neste 12 de junho. A pesquisa aponta uma previsão de aumento de 3% nas vendas neste ano na comparação com 2018.

A própria Alshop reconhece que esse número parece mais com uma lembrancinha. Apesar disso, a entidade considera que se trata do começo de uma recuperação do setor varejista.

*Com informações do repórter Tiago Muniz