Campanha Janeiro Branco chama atenção para a importância dos cuidados com a saúde mental

  • Por Jovem Pan
  • 15/01/2018 06h17
ReproduçãoAtualmente, pelo menos 14 milhões de brasileiros são depressivos, mas em muitos casos, esses pacientes não são abordados da maneira correta

Ao longo deste mês, médicos de todo o País promovem a campanha Janeiro Branco, que alerta para a importância da saúde mental. A depressão já é considerada a doença mais incapacitante do mundo.

Atualmente, pelo menos 14 milhões de brasileiros são depressivos, mas em muitos casos, esses pacientes não são abordados da maneira correta.

O psiquiatra Rodrigo de Almeida Ramos, diretor do Núcleo Paulista de Especialidades Médicas, ressaltou que os distúrbios mentais precisam ser tratados com mais seriedade: “existe um vício de comportamento de quem está ao lado que não é bom, de dizer ‘você é mais do que isso’, ‘isso é bobagem’. Isso só prejudica, porque a depressão está ligada a um desequilíbrio químico no cérebro”.

Em muitos casos, a depressão é confundida com a tristeza passageira e quem sofre com o problema acaba não procurando tratamento: “quando essa tristeza se torna incapacitante, ela vai um pouco além da tristeza. Neste caso é inquestionável e ele deve procurar ajuda médica”.

O psiquiatra ressaltou que o preconceito em relação aos problemas de saúde mental também afasta os depressivos do tratamento.

Outro problema grave e ainda pouco discutido no Brasil é a ansiedade. Atualmente, mais de 2 milhões de brasileiros sofrem com o distúrbio, que provoca uma sensação permanente de aflição e preocupação.

*Informações do repórter Vitor Brown