Canadá concede asilo à jovem saudita que fugiu da família durante viagem ao Kuwait

  • Por Jovem Pan
  • 12/01/2019 08h46
ReproduçãoO primeiro-ministro canadense, Justin Trudeau, disse que o país está muito feliz em receber a refugiada

O Canadá concedeu asilo a uma jovem saudita que fugiu da família durante uma viagem ao Kuwait. Rahaf Mohammed al-Qunun, de 18 anos, planejava seguir para a Austrália mas foi detida no aeroporto de Bangkok, na Tailândia, no último dia 05.

A saudita se trancou num quarto de hotel e usou a internet para fazer apelo a autoridades e entidades dos Direitos Humanos. Pelo Twitter, ela pediu um encontro com o alto-comissariado da ONU para Direitos Humanos e conseguiu a proteção do Canadá.

O primeiro-ministro canadense, Justin Trudeau, disse que o país está muito feliz em receber a refugiada.

Rahaf Mohammed al-Qunun explicou que fugiu da família porque foi ameaçada de morte diversas vezes por motivos triviais. Ela afirmou que sofria abusos físicos, emocionais e verbais e já chegou a ser trancada dentro de casa por meses. A jovem ainda disse que vem de uma família muito poderosa na Arábia Saudita.

De acordo com a ONG Human Rights Watch, Rafah Mohammed al-Qunun vai renunciar ao Islamismo. Pelo Twitter, Rahaf agradeceu o apoio e comemorou a viagem ao Canadá.

*Informações da repórter Nanny Cox