Crânio de indígena que viveu há mil anos no MT será reconstruído

  • Por Jovem Pan
  • 21/11/2017 08h57
Gleber Nelson Marques/ Arquivo pessoalO indígena pertencia à etnia Xarayes e teria vivido na região de Descalvados, em Cáceres, a 220 quilômetros de Cuiabá, no século 10

O crânio de um índio que viveu há mil anos no Mato Grosso será reconstruído.

O indígena pertencia à etnia Xarayes e teria vivido na região de Descalvados, em Cáceres, a 220 quilômetros de Cuiabá, no século 10. O local era usado como cemitério por índios.

A reconstrução será feita pelo designer Cícero Moraes, em parceria com pesquisadores da Universidade Estadual de Mato Grosso.

O trabalho será apresentado durante um evento dentro da própria instituição de ensino, que deve acontecer entre os dias 27 e 29 desse mês. Porém, uma versão impressa em 3D e pintada pela artista plástica Mari Bueno será exposta para todo público no ano que vem.

A réplica poderá ser vista por toda população, já o crânio original ficará guardado em um ambiente onde não será afetado por mudanças climáticas.

*Informações do repórter Vinicius Moura