Doria descarta obstruções no Congresso ao projeto anticrime apresentado por Moro

  • Por Jovem Pan
  • 12/02/2019 06h29
Guilherme Rodrigues/Estadão Conteúdo“Não temo a não aprovação. Entendo que o Congresso fará emendas. Entendo que tanto o projeto de lei anticrime como a prioridade para a reforma da Previdência serão analisados por congressistas", disse o governador de SP

A segurança pública tem recebido amplo destaque na gestão João Doria. Desde a virada do ano, as operações no Estado têm sido apresentadas pelo governador de São Paulo, com seus números, promessa de mudanças significativas, aliadas a tecnologia e intercâmbio internacional.

Doria é um dos principais entusiastas do projeto anticrime a ser discutido no Congresso. O tucano sabe que a avaliação do seu governo passa justamente por reduzir a sensação de insegurança dos paulistas e ao mesmo tempo se transformar numa vitrine nacional.

O governador descartou que o projeto de Sergio Moro será desconfigurado no Congresso por atacar a corrupção e o caixa dois: “não temo a não aprovação. Entendo que o Congresso fará emendas. Entendo que tanto o projeto de lei anticrime como a prioridade para a reforma da Previdência serão analisados por congressistas”.

O tucano entregou certificados de “Policial Nota 10” para 20 policiais militares, civis e técnico-científicos. O governador pretende repetir mensalmente a iniciativa, segundo ele, para reconhecer e estimular o bom o trabalho dos policiais. A cerimônia também homenageou os 161 policiais paulistas que trabalharam na tragédia de Brumadinho.

*Informações do repórter Marcelo Mattos