Engenheiro da Petrobras é preso por pedofilia

  • Por Jovem Pan
  • 19/07/2019 09h02
Fernando Frazão/Agência BrasilDenúncia foi feita pela própria empresa

Um engenheiro da Petrobras foi preso, nesta quinta-feira (17), acusado de pedofilia. Alexandre Pinheiro da Costa, de 46 anos, foi detido na sede da estatal enquanto, que fica no centro do Rio de Janeiro, enquanto trabalhava. Com ele, foi encontrado um pendrive com mais de 10 mil arquivos de imagens de crianças em situação de exploração sexual. Preso em flagrante, Costa foi encaminhado à Delegacia de Repressão a Crimes Cibernéticos.

O alerta foi emitido pela própria empreiteira. Nos últimos meses, a polícia do Rio firmou acordos com empresas e grandes corporações para combater esse tipo de crime virtual. Em nota oficial, a Petrobras informou que vem “intensificando os investimentos em instrumentos e mecanismos para combater esse tipo de prática” e que “repudia veementemente qualquer tipo de compartilhamento de imagens de menores em situação de vulnerabilidade.”

*Com informações do repórter Rodrigo Viga