EUA fará operação neste domingo contra cerca de 2 mil imigrantes ilegais

Segundo o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, essas pessoas serão expulsas e levadas de volta para os países de onde vieram

  • Por Jovem Pan
  • 13/07/2019 12h12
Reprodução/TwitterO presidente dos Estados Unidos, Donald Trump

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, confirmou nesta sexta-feira (12) uma megaoperação para deportar imigrantes irregulares. A operação começará no domingo, 14, e tem como alvo pelo menos 2 mil imigrantes que vivem em cerca de dez cidades americanas.

Segundo o republicano, essas pessoas serão expulsas e levadas de volta para os países de onde vieram. A ação também pode incluir “deportações colaterais”, o que significa que as autoridades poderão deter imigrantes que estiverem presentes, mesmo não sendo alvos das operações.

As pessoas da mesma família que forem presas, poderão ficar juntas em centros de detenção no Texas e na Pensilvânia. No entanto, em razão das limitações de espaço, algumas ficarão em hotéis até que os documentos para a deportação estejam prontos.

O objetivo da operação é deportar as famílias o mais rápido possível. O presidente Donald Trump havia anunciado essa megaoperação no dia 21 de junho. O republicano, no entanto, decidiu aguardar algumas semanas para dar tempo ao Congresso de se comprometer com medidas de segurança na fronteira com o México.

*Com informações da repórter Natacha Mazzaro