Ex-zelador diz que Lula e Marisa Letícia se comportavam como proprietários do tríplex

  • Por Jovem Pan
  • 26/01/2018 07h18
ReproduçãoSegundo ele, a primeira vez que viu o casal foi em 2014: “esteve ele e toda comitiva junto com ele. A gente recebeu. Abrimos portões, mostrei as áreas para a dona Marisa. Ela achou muito bacana, gostou muito”

A primeira testemunha a depor na Justiça atestando que o casal Lula e Marisa Letícia eram proprietários do tríplex no Guarujá foi o zelador do edifício Solaris, José Afonso Pinheiro. Ele viu Lula e Marisa por duas vezes no prédio e foi depor.

Por isso, foi demitido, segundo ele, a pedido da OAS. Agora, em entrevista exclusiva à Jovem Pan, ele vai um pouco além de seu depoimento. Ele diz que Lula e Marisa atuavam como se fossem donos do tríplex.

Segundo ele, a primeira vez que viu o casal foi em 2014: “esteve ele e toda comitiva junto com ele. A gente recebeu. Abrimos portões, mostrei as áreas para a dona Marisa. Ela achou muito bacana, gostou muito”.

O ex-zelador do Solaris disse ainda que tanto Lula quanto dona Marisa se comportavam como proprietários do tríplex. “Quem não é proprietário não pede modificações no apartamento. Eles pediram e foram feitas (…) Eu os vi em das ocasiões em que estiveram no condomínio. Porque o elevador sempre era parado na cobertura e nenhum condômino usava durante a permanência deles”.

Sobre a demissão, José Afonso disse que ocorreu por ter falado a verdade. “Fui injustiçado. A OAS não queria que eu falasse que a unidade pertencia a Lula, queriam que eu falasse que pertencia a OAS. Fiquei chateado e desmotivado, porque vi que a verdade nem sempre é o melhor caminho”.

Após a condenação de Lula ser confirmada em segunda instância na última quarta-feira (24), o ex-zelador do condomínio no Guarujá disse ter achado que a Justiça foi feita. “Se a Justiça decidiu que ele deveria ter sido condenado, eu acho que foi o melhor caminho”.