Governo avalia que leilão da Cepisa foi bem sucedido

  • Por Jovem Pan
  • 27/07/2018 07h20
Fábio Rodrigues Pozzebom/Agência BRasilEquatorial Energia arrematou a distribuidora da Eletrobras no Piauí por R$ 95 milhões

A empresa Equatorial Energia arrematou a distribuidora da Eletrobras no Piauí numa disputa em que ela foi a única concorrente. O leilão da Cepisa foi realizado na manhã desta quinta-feira na bolsa de valores B3, em São Paulo.

A nova proprietária vai pagar R$ 95 milhões de reais ao governo e terá que realizar um aumento de capital de R$ 720 milhões na empresa. O ministro-chefe da Secretaria-Geral da Presidência, Ronaldo Fonseca, diz que o leilão foi um sucesso, mesmo com um único participante.

O leilão da Cepisa é o primeiro de cinco distribuidoras de energia que o governo quer promover tentando abrir caminho para a privatização da Eletrobras. Elas são deficitárias e prejudicam o resultado da companhia, o que pode afastar eventuais interessados na compra da empresa.

O presidente da estatal confia que poderá realizar a disputa pelas distribuidoras do Acre, Amazonas, Rondônia e Roraima em trinta de agosto. Wilson Ferreira Júnior diz que a Eletrobras tentará incluir o leilão pela distribuidora de Alagoas, parado atualmente por decisão judicial.

O ministro de minas e energia deu a declaração na manhã desta quinta-feira pouco antes do leilão da distribuidora de energia Cepisa, do Piauí, realizado em São Paulo. A disputa foi vencida pela Equatorial, que já controla distribuidoras nos estados do Pará e do Maranhão.

*Com informações do repórter Tiago Muniz