Petrobras busca soluções para aumentar a periodicidade de reajustes de preços de combustíveis

  • Por Jovem Pan
  • 05/06/2018 07h11
Petrobras/ArquivoA ideia agora é que é a periodicidade seja um pouco mais longa, 15 dias ou um mês, por exemplo

A Petrobras busca, internamente, em conversas com técnicos e representante do Governo, encontrar uma fórmula para mudar a sua periodicidade da política de preços.

Pedro Parente saiu da presidência da empresa muito desgastado quando dólar e petróleo subiram e precisou repassar essas altas diariamente.

A ideia agora é que é a periodicidade seja um pouco mais longa, 15 dias ou um mês, por exemplo.

O desafio é encontrar uma equação em que esse período possa ser respeitado sem que a empresa tenha prejuízo. Pedro Parente até tentou usar esta fórmula de reajuste mensal, mas não deu certo porque sempre no meio do mês a empresa acabava perdendo espaço para concorrentes, além de participação no mercado.

A periodicidade deve ser alterada e valer não s[o ao diesel, mas também para a gasolina.

*Informações do repórter Rodrigo Viga