Risco em barragem: Barão de Cocais realiza treinamento de evacuação nesta segunda (25)

  • Por Jovem Pan
  • 25/03/2019 07h05
Divulgação/Terramil TerraplanagemNa sexta-feira, a barragem entrou em nível três de alerta, o que significa risco de ruptura iminente ou em andamento

Os moradores da cidade de Barão de Cocais, Minas Gerais, farão um treinamento de evacuação nesta segunda-feira (25).

Sete pontos de fuga foram divulgados pela Defesa Civil em caso de rompimento da Barragem Superior Sul, da mina de Gongo Soco. Na sexta-feira, a barragem entrou em nível três de alerta, o que significa risco de ruptura iminente ou em andamento.

Em caso de colapso, cerca de nove mil pessoas terão uma hora e 12 minutos para serem retiradas das residências, antes dos rejeitos atingirem os imóveis.

O cálculo foi feito pela Defesa Civil, que finalizou um plano de salvamento que inclui rotas de fuga e pontos de encontro para os quais os moradores precisam se dirigir.

A simulação está prevista para as 16h, conforme explicou o Capitão Herbert Aquino, da Defesa Civil.

Caso haja um rompimento antes da implementação deste plano de contingência, uma força-tarefa formada por policiais, bombeiros e técnicos da Defesa Civil fará a retirada dessas pessoas.

No dia 08 de fevereiro, a Vale mandou evacuar os bairros mais próximos da barragem Superior Sul, em Barão de Cocais, depois do acionamento de sirene que alertou para o nível dois de risco.

A barragem é do mesmo tipo da de Brumadinho, que rompeu em janeiro e matou 212 pessoas.

Nesta segunda-feira, o rompimento da barragem Mina Córrego do Feijão completa dois meses. Por isso, órgãos de Segurança Pública e Secretarias de Governo concederão uma coletiva de imprensa e apresentar um balanço dos trabalhos.

*Informações da repórter Natacha Mazzaro