TCE-RJ suspende licitação de jatinho para atender viagens de Pezão

  • Por Jovem Pan
  • 23/08/2017 06h50
Os governadores, de Minas Gerais, Fernando Pimentel, e do Rio de Janeiro, Luiz Fernando Pezão, após reunião com o Ministro da Fazenda, Joaquim Levy ( Marcelo Camargo/Agência Brasil)Com um preço mínimo de R$ 2,518 milhões, a licitação iria acontecer nesta quarta-feira (23)

Nada de jatinho para servir o governador do Estado do Rio de Janeiro, Luiz Fernando Pezão. O Tribunal de Contas do Estado decidiu, nesta terça-feira (22), abortar a licitação que seria realizada pelo governo para a contratação de uma empresa de táxi aéreo para atender o governador.

Com um preço mínimo de R$ 2,518 milhões, a licitação iria acontecer nesta quarta-feira (23).

O Estado se encontra em estado de calamidade financeira desde o ano passado e só recentemente Pezão, após vender a folha de pagamentos para o Bradesco, conseguiu levantar R$ 1,3 bilhão e quitar salários de maio, junho e julho. Mas o futuro ainda é bastante incerto.

O TCE suspendeu a licitação até a análise de mérito a fim de que a Casa Civil apresente os esclarecimentos solicitados.

O governo do Rio vem tentando aderir ao plano de recuperação dos Estados.

*Informações do repórter Rodrigo Viga