Trump critica Tribunal Penal Internacional e diz que não vai permitir investigação contra soldados dos EUA

  • Por Jovem Pan
  • 11/09/2018 06h57
EFEA corte é responsável por julgar crimes contra a humanidade

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, ameaçou impor sanções contra o Tribunal Penal Internacional, TPI, caso investigue a atuação de militares norte-americanos no Afeganistão.

A corte é responsável por julgar crimes contra a humanidade.

Nesta segunda-feira (10), o assessor de Segurança Nacional da Casa Branca, John Bolton, afirmou que juízes e procuradores do TPI que tentem investigar cidadãos americanos ou países aliados sofrerão represálias. Além disso, eles também serão impedidos de entrar nos Estados Unidos e poderão ser processados.

John Bolton disse que não vai cooperar com o tribunal, não vai auxiliar a investigação da corte e certamente não vai se unir ao TPI.

O assessor de Segurança Nacional, em nome do governo Trump, ainda declarou que o tribunal é ilegítimo e ameaça a soberania dos Estados Unidos.

O Tribunal julga casos relacionados a crimes de guerra, genocídios e crimes contra a humanidade desde 2002. Na prática, os Estados Unidos não fazem parte dele.

*Informações da repórter Marcella Lourenzetto