Turquia começa a receber sistema de defesa antiaérea da Rússia

O negócio vai contra a pressão dos Estados Unidos e ainda ameaça a presença turca na OTAN

  • Por Jovem Pan
  • 13/07/2019 11h57
Agência EFEOs primeiros componentes do S-400 entregues são lançadores de mísseis, radares, caminhões de apoio e foguetes

A Turquia começou a receber nesta sexta-feira (12) equipamentos do sistema russo de defesa-antiaérea S-400. O negócio vai contra a pressão dos Estados Unidos e ainda ameaça a presença turca na Organização do Tratado do Atlântico Norte (OTAN).

Os primeiros componentes do S-400 entregues são lançadores de mísseis, radares, caminhões de apoio e foguetes. A Rússia afirma que a transação envolve a quantia de US$ 2,5 bilhões.

De maneira simbólica, o desembarque do material ocorreu na base de Murt, na Turquia — uma das principais unidades militares a se insurgir contra o presidente Tayyip Erdogan, em 2016.

Os Estados Unidos alegam que os equipamentos são incompatíveis com os sistemas da OTAN e, além disso, poderiam, de alguma forma, ser uma fonte de informação para os russos a respeito dos caças ocidentais.

Os americanos deram uma série de ultimatos ao governo turco, que culminaram na proibição da entrega caças F 35. Diante disso, a Turquia se aproximou da possibilidade de substituir sua frota militar por aeronaves russas.

*Com informações do repórter Renan Porto