Universidades permanecerão sob responsabilidade do MEC no próximo Governo

  • Por Jovem Pan
  • 07/12/2018 07h47
Edilson Rodrigues/Agência SenadoO presidente eleito, Jair Bolsonaro, cogitou transferir as universidades para a pasta que será comandada pelo astronauta

O futuro ministro da Ciência, Tecnologia e Comunicação, Marcos Pontes, afirmou que o ensino superior permanecerá no Ministério da Educação.

O presidente eleito, Jair Bolsonaro, cogitou transferir as universidades para a pasta que será comandada pelo astronauta. Mas nesta quinta-feira (06), durante coletiva de imprensa na sede do gabinete de transição, Marcos Pontes confirmou que a gestão ficará com o MEC.

Primeiro e único astronauta brasileiro a viajar para o espaço, Marcos Pontes defendeu parcerias com o Ministério da Educação para realizar atividades de ciência nos ensinos fundamental e médio.

O futuro ministro afirmou ainda que a gestão dos Correios ficará sob sua responsabilidade. O Inmetro, que hoje pertence ao Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços, também deverá ficar sob o comando da Ciência e Tecnologia.

O instituto já reagiu contra a possível transferência e em nota, disse que as atividades da autarquia estão mais ligadas ao Ministério da Economia.

*Informações da repórter Natacha Mazzaro