Youtuber Cocielo é acusado de racismo após postagem sobre jogador Mbappé

  • Por Jovem Pan
  • 02/07/2018 07h08
ReproduçãoCocielo comentou em rede social que Mbappé conseguiria fazer um “arrastão top” na praia

A arrancada veloz do jogador francês Mbappé no lance que originou um pênalti para a França contra a Argentina no último sábado foi motivo para vários comentários nas redes sociais elogiando a velocidade do atacante.

Mas um deles chamou mais atenção. O youtuber Júlio Cocielo, que tem mais de sete milhões de seguidores no Twitter, comentou em rede social que Mbappé conseguiria fazer um “arrastão top” na praia.

Imediatamente, o influenciador digital passou a ser acusado de racismo pela mensagem postada, mas se defendeu dizendo que se referia apenas a velocidade de Mbappé e apagou o tweet.

Porém, outros internautas vasculharam postagens antigas feitas por Cocielo e afirmaram que não era a primeira vez que ele fazia comentários discriminatórios, como um de 2013, quando afirma que “o Brasil seria mais lindo se não houvesse frescura com piadas racistas. Mas já que é proibido, a única solução é exterminar os negros”.

O youtuber mais uma vez se defendeu e publicou uma declaração pedindo desculpas pelos comentários que ele mesmo definiu como infelizes, mas que na época tinham interpretações diferentes da de hoje.

Após a repercussão ainda negativa, Júlio Cocielo apagou todas as mensagens antigas e deixou fixado apenas a retratação pelo ocorrido.

O episódio também serviu para que algumas pessoas cobrassem um posicionamento dos patrocinadores do youtuber.

*Informações do repórter Vinicius Moura