“Ensinei a amarrar o sapato”, diz Bia Arantes sobre convivência com atores mirins do SBT

  • Por Jovem Pan
  • 10/10/2017 11h20
Johnny Drum/ Jovem Pan

Há quase 1 ano vivendo a noviça Cecília em “Carinha de Anjo”, do SBT, Bia Arantes teve que aprender a atuar com o elenco mirim da novela. No Jovem Pan Morning Show desta terça-feira (10), a atriz contou sobre a experiência e falou da alegria de acompanhar o crescimento das crianças.

“É a primeira vez que eu trabalho com crianças e é muito divertido. Eu tive que aprender porque no começo eu brincava muito com elas, mas eu tenho um nível de concentração maior. No começo foi mais difícil, mas hoje é tranquilo”, falou.

Trabalhando há mais de 1 ano com as crianças, Bia contou que viu o elenco mirim crescer de perto e adorou compartilhar esses momentos. “Eu ensinei a amarrar o sapato, a gente vê o primeiro dente cair, a primeira palavra que eles sabem escrever. O meus primeiros textos têm o nome da Lorena [Queiroz] escritos de todos os jeitos. É uma convivência longa”, contou.

Bia ainda falou que os atores mirins são acompanhados de perto por psicólogos durante as gravações e, não raro, todos conversam sobre temas delicados. “O jogo da baleia azul foi muito discutido”, lembrou.

Prestes a entrar na reta final das gravações de “Carinha de Anjo”, a atriz admitiu que, no começo, pensou que não seria levada a sério pelo trabalho na novela infantil.

“Tem gente que parece não levar a sério porque é para crianças. Eu pensei: ‘vão achar que é brincadeira porque é algo menor’. Mas estão levando super a sério”, contou. “E eu nunca trabalhei tanto na minha vida quanto nessa novela. Nem quando fui protagonista de ‘Malhação [em 2011]’”, lembrou.

A rotina de gravações intensas da novela do SBT faz Bia, muitas vezes, ativar o “piloto automático”. “Eu tive pneumonia e continuei gravando 20 cenas por dia. Às vezes você não tem energia para dedicar ao personagem e isso é o maior desafio, ter o tempo para se dedicar”, falou.