Pedro Pacífico, do canal Book.ster, avalia leitura no país: ‘Brasileiro quer ler mais’

  • Por Jovem Pan
  • 09/07/2019 12h20
Jovem PanPedro Pacífico foi o convidado do Morning Show nesta terça (9)

Começa nesta quarta-feira (10) a 17ª edição da Festa Literária Internacional de Paraty, a Flip. O grande homenageado deste ano é o autor Euclides da Cunha, que tem entre suas obras mais famosas “Os Sertões”.

Pedro Pacífico é criador do Book.ster, canal do YouTube dedicado à literatura, e conversou com a bancada do Morning Show nesta terça (9) sobre o evento e a produção de conteúdo literário para o público online.

“O brasileiro lê pouco, a média é de 2,4 livros lidos por ano, enquanto na França são 21 livros. Mas o brasileiro quer ler mais sim, vemos isso com os perfis literários com milhares de seguidores, ele só não sabe muito como escolher. É um assunto totalmente ausente do nosso dia a dia, ninguém conversa sobre livros na mesa de bar, não perguntamos o que nosso colega de trabalho está lendo”, explicou.

Pedro afirma que é importante aproximar o assunto do público brasileiro e as redes sociais são um ótimo caminho para isso. “Ao trazer todo dia um pouco do assunto livro para a vida das pessoas, elas acabam lembrando daquilo e sendo incentivadas”, disse.

Sobre o homenageado da Flip 2019, Pacífico diz que a escolha de Euclides da Cunha foi vista com surpresa.

“Não se esperava a escolha dele por causa de sua produção mais restrita, mais técnica. Mas [a ideia] é trazer a discussão de conflitos, vivemos num momento de conflitos sociais, ideológicos, então isso ele soube trazer muito bem na obra e talvez isso repercuta nas mesas com outros autores e obras”, avaliou Pedro.