Fogaça explica que “MasterChef” não terá mais edição infantil: “muita polêmica e desgaste”

  • Por Jovem Pan
  • 18/12/2017 11h24
Johnny Drum/ Jovem Pan

Com 4 temporadas de amadores, 1 infantil e 2 de profissionais, o “MasterChef Brasil”, da Band, não voltará a fazer mais edições com crianças. Conforme explicou o chef e jurado Henrique Fogaça no Jovem Pan Morning Show desta segunda-feira (18), o desgaste da produção fez a emissora desistir de uma nova edição infantil.

“É muita burocracia, polêmica e os pais das crianças davam mais trabalho do que as crianças. Com é muito desgaste não terá mais”, explicou.

Depois de tantas edições do reality culinário, Fogaça admitiu se preocupar que o formato pudesse estar chegando ao seu limite, mas negou a ideia. “A comida fala com todo mundo, então não acho que está desgastado”, disse.

“Temos mais duas temporadas neste ano [em 2018] e as provas diferentes dão um gás. Variamos os desafios para não ficar na mesmice”, disse sobre as novas edições.


Chef e Youtuber

Com o sucesso do “MasterChef”, Fogaça viu seu público crescer cada vez mais e, com isso, sentiu a necessidade de ficar cada vez mais próximo dele. Para isso, ele lançou nesta segunda-feira (18) o seu próprio canal no Youtube para “desmistificar o lado de chef”.

“É para mostrar que dá para fazer comidas fáceis e laricas boas. No Youtube conseguimos ficar mais perto dos fãs e tem a liberdade de fazer gravações em casa”, falou.

“Sinto que tenho essa demanda [de público]. A televisão deu uma abertura muito grande e o programa tem uma responsabilidade social, trouxe um despertar para ficar atento com a refeição”, disse.

Em seu canal, Henrique Fogaça cozinha pratos simples para a sua versão chef no quadro “Chef vs. Henrique. Com a música sendo parte fundamental dos vídeos, o canal ainda pretende lançar entrevistas dentro do Opala do jurado do “MasterChef”.