Integrantes do canal Hipócritas e Criss Paiva debatem com bancada sobre humor politizado

  • Por Jovem Pan
  • 18/04/2019 12h16
Johnny Drum/Jovem PanCriss Paiva se junta ao pessoal do canal Hipócritas em peça no teatro Gazeta

O Morning Show desta quinta-feira (18) recebeu os humoristas do canal Hipócritas e Criss Paiva, convidada na peça “No princípio era a hipocrisia”. O grupo se apresenta neste fim de semana no Teatro Gazeta, em São Paulo.

“Assim como tem o lado da esquerda, nós estamos aqui fazendo humor no lado da direita. Da esquerda hoje nós temos vários [grupos] como Porta dos Fundos e a própria Globo com alguns materiais deles”, explicou Augusto Pacheco.

O canal foi criado em 2014 e ganhou popularidade nas redes com o humor anti-politicamente correto, além de frequentes sátiras com a esquerda. Pacheco disse que fazer esse tipo de humor foi uma demanda da própria população.

“Se o outro lado fizesse [humor] do dois lados seria interessante, acho que poderíamos fazer um humor aberto sem pensar em viés. Mas hoje a gente vive numa cultura aonde o viés é totalmente direto no humor, na cultura, tem ter contraponto”, esclareceu.

“A ideia era fazer esquetes e humor pra internet, a grande referência era o ‘Porta dos Fundos’ e começamos a fazer. Entre idas e vindas, nos engajamos com política como o Brasil inteiro começou a se engajar. Por nossas convicções pessoais a gente tomou um lado, foi acontecendo”, relembrou Paulo Souza.

Criss Paiva acredita que o humor é como um produto que é consumido apenas por quem gosta dele, e isso vale para as vertentes políticas da comédia

“Tem uma frase de um humorista americano que diz ‘a comédia é o único produto que a pessoa se mete no que o outro consome’. Então se a pessoa se diverte com aquilo, é pessoal, é gosto dela.”