Dono do Canal do Negão explica por que é contra cotas: ‘São muletas’

  • Por Jovem Pan
  • 14/05/2019 14h12
Jovem PanAlessandro Santana, do Canal do Negão, e Caio Coppolla foram os convidados do Pânico nesta terça-feira (14)

O youtuber Alessandro Santana chamou a atenção de toda a internet com o seu Canal do Negão, em que mostra sua vivência na Cidade Tiradentes, na zona leste de São Paulo, com um viés mais conservador. Em entrevista ao Pânico, nesta terça-feira (14), ele explicou o seu trabalho na rede. “Eu só falo o óbvio, mas hoje em dia parece que estou sendo revolucionário”, disse.

Dono de um ferro velho, Alessandro é contra o assistencialismo do Estado. Ele, inclusive, não concorda com a política de cotas nas universidades – mas ressalta que não é contra quem as usa. “A cota é uma muleta. Mas não sou contra o cara que pega a muleta, sou contra o cara que pega a muleta e abraça quem deu”, explicou.

Pai de um garoto, o youtuber ensina o filho a ter respeito por ele, pelos mais velhos e pelos professores. “Meu filho tem que responder ‘sim, senhor'”, contou, lembrando que os seus seguidores se surpreendem com a educação do menino.

Apesar de ter um viés conservador, Alessandro é contra a polarização política que existe no Brasil hoje e diz que muita gente nas redes sociais se diz conservadora, mas, na verdade, não é. “Eu prego que a esquerda e a direita têm que se sentar e trocar ideia”, resumiu.