‘Já neguei até propaganda de funerária’, diz humorista que interpreta Paulinho Gogó

  • Por Jovem Pan
  • 23/05/2019 14h09
Jovem PanO malandro interpretado pelo humorista Maurício Manfrini divide o banco de "A Praça é Nossa" desde 2004 com Carlos Alberto de Nóbrega

Com passagens por canais como SBT, Multishow e Globo, o humorista Maurício Manfrini afirma que já recebeu até propostas de funerárias para interpretar seu personagem mais famoso, o malandro Paulinho Gogó. Em entrevista ao Pânico nesta terça (23), no entanto, ele disse que prefere não “prostituir” a figura.

“Já neguei até propaganda de funerária, não dá para fazer uma coisa assim sendo alguém engraçado e para cima como eu sou”, afirmou. “Eu tenho esse cuidado de proteger o Paulinho Gogó, não tenho nem canal do YouTube justamente por isso. Não posso prostituir o personagem”.

O malandro interpretado pelo humorista divide o banco de “A Praça é Nossa” desde 2004 com Carlos Alberto de Nóbrega, histórico comandante da atração do SBT. O apresentador de 83 anos é amigo pessoal de Manfrini e, segundo ele, tem ciúmes do personagem. “Ele não gosta muito quando eu saio por aí fazendo o Paulinho, tem ciúmes, mas a gente vive bem com isso”, diz.

Manfrini iniciou a carreira em 1995, na Rádio Tupi do Rio de Janeiro, onde criou a figura de Paulinho Gogó. Em 1999, ao lado do também apresentador Wagner Montes, ele estreou na televisão, no canal CNT.

Dois anos depois, a realização de um sonho: fazer parte da Escolinha do Professor Raimundo, de Chico Anysio, na Rede Globo. “Eu passei anos assistindo aquele cara e de repente ele está ali me chamando no programa dele”, diz. “Foi incrível”.

Outro gigante do humor a passar pela carreira de Manfrini foi Ronald Golias, também integrante do humorístico do SBT. “Ele me ajudou muito a fixar o Paulinho Gogó, porque antes eu tinha vários personagens”, lembra. “O Ronald me tirou esse peso das costas e aí eu fui evoluindo. Hoje as pessoas até me param na rua e me perguntam por que eu não estou vestido como na TV”.

Manfrini está em cartaz com Paulinho Gogó no espetáculo “Fato Venéreo”, no teatro Gazeta, em São Paulo. As apresentações acontecem neste sábado (25), às 22h e no domingo (26), às 20h.