“Raras pessoas são competentes”, acha palestrante Roberto Shinyashiki

  • Por Jovem Pan
  • 31/07/2015 13h16
Rodrigo Ramon/Jovem Pan

O psiquiatra e palestrante motivacional Roberto Shinyashiki sugeriu que as pessoas sejam ativas e “encrenqueiras” no ambiente profissional durante participação no Pânico desta sexta-feira (31). Segundo o médico, “raras pessoas são competentes” e é necessário desenvolver habilidades ao longo da vida e prezar pelas boas relações interpessoais.

O conferencista reclamou do estilo ultrapassado de lideranças, presentes desde os pequenos negócios até as grandes corporações. “As empresas brasileiras tem muitos incompetentes que ao invés de resultados querem aplausos”, generalizou.  “Se você tem uma empresa ou uma equipe, você deve criar um sistema de autonomia porque o cara rebelde é muito importante porque ele não sossega enquanto as coisas não estão boas”, falou

Instigado pelo apresentador do Pânico Emílio Surita, Shinyashiki  pediu que as pessoas criativas e contestadoras sejam enaltecidas. “O sujeito que se rebela e impõe consegue sempre ser lembrado. O bonzinho sempre vai mofar. Temos que ser encrenqueiros na vida”, sugeriu.

O palestrante também contou que é preciso desenvolver habilidades por toda a vida, além de sempre ter um sorriso no rosto, para obter sucesso. “É muito bom o cara ter talento, mas na estratégia ele consegue e consegue muita coisa”, disse ao falar que “o cara que considera o máximo, relaxa”. 

Roberto Shinyashiki  tem diversos livros publicados, como “Louco por Viver” (2013), “Os Segredos dos Campeões” (2007) e “A Revolução dos Campeões” (1995). O mais recente é “A Nova Lógica do Sucesso”.