Tenor Thiago Arancam aprova versão funk de 'Bella Ciao'

  • Por Jovem Pan
  • 05/09/2018 13h48
Johnny Drum/Jovem PanConfira aqui as imagens do programa!

O tenor Thiago Arancam está no Brasil com a obra “O Fantasma da Ópera”, em cartaz no Teatro Renault, em São Paulo, até dezembro. Com uma das vozes mais bonitas do mundo, o paulistano de 36 anos viu recentemente o clássico “Bella Ciao” ganhar uma versão funk chamada “Só Quer Vrau”, e parece não ter se incomodado.

Em entrevista ao “Pânico” desta quarta-feira (5), o tenor afirmou que o brasileiro tem uma grande capacidade para adaptar músicas de diferentes estilos e que é preciso vivenciar a música sem nenhum preconceito.

“Eu cantava ‘Bella Ciao’ desde as festas italianas aqui de São Paulo. Vendo o sucesso que fez com a ‘La Casa de Papel’ e depois virou funk, o brasileiro consegue fazer uma adaptação dessa. As adaptações funcionam e trouxe para um estilo que é legal em nosso país. Música é música, tem que vivenciar sem nenhum preconceito”, disse.

A ópera é vista como um evento de elite por muitas pessoas hoje em dia e Arancam enxerga um certo pré-conceito disso tudo. Ele lembra que a obra lírica foi feita para o povo no passado e que há concertos acessíveis ao grande público atualmente.

“Se criou um pré-conceito de que a elite começou a frequentar as óperas. Encontrei público de todas as classes, inclusive no Brasil. É muito acessível o valor. As pessoas falam que é em outra língua, mas aqui no Brasil tem a tradução”, explicou.