Tinha certeza que só ia sobrar ex-BBB, diz Aritana sobre reta final de “A Fazenda”

  • Por Jovem Pan
  • 21/11/2017 14h17
Johnny Drum/ Jovem Pan

Entrando em sua reta final, “A Fazenda” se tornou uma espécie de edição especial do “Big Brother Brasil”, já que 5 dos 7 finalistas são ex-participantes do reality da Globo. No Pânico na Rádio desta terça-feira (21), Aritana Maroni, que foi eliminada da atração, reconheceu que esse era um fim “óbvio” para o programa.

“Isso era uma certeza que eu tinha lá dentro. Não foi uma coincidência infeliz só sobrar eles. Vimos eles derrubando um por um desde o começo”, avaliou Aritana.

“A gente percebeu que era um jogo de ‘Big Brother’ e depois que eu entendi o jogo eu comecei a ver essas coisas”, completou.

A ex-Masterchef Brasil ainda admitiu que se sentiu perdida no reality e demorou para entender a dinâmica. “Eu fui a menos jogadora”, falou. “Era a única que não tinha ficado trancada em um reality e isso foi o mais difícil porque no ‘Masterchef’ você vai e volta e era eu contra mim mesma. Lá [‘A Fazenda´] você tem que fazer um amigo para derrubar um amigo”, comparou.

A chef de cozinha ainda declarou torcida para o ex-BBB Marcos Harter e disse entender o jeito “explosivo” do médico por conta de seu pai, Oscar Maroni.

“Não acho que [o Marcos] está fazendo o louco. Ele é sincero e explosivo para falar o que pensa. Às vezes eu via ele lá dentro como vejo meu pai aqui fora porque meu pai é uma pessoa explosiva”, falou.

“Vejo ele e a Flávia [Viana] como os dois maiores jogadores lá dentro”, disse. “Eu quero que o Marcos ganhe, mas acho que quem ganha é a Flávia”, opinou.