Mário Mello: Queremos facilitar o diálogo entre eleitores e parlamentares

Lançado oficialmente nesta semana, o aplicativo Poder do Voto permite saber como votaram os deputados e senadores

  • Por Branca Nunes
  • 12/02/2019 20h02
Estadão ConteúdoCongresso Nacional

Decidido a reduzir a histórica amnésia política de boa parte dos cidadãos brasileiros, que a cada quatro anos esquece (ou finge ter esquecido, o que dá na mesma) em qual candidato votou, e facilitar o diálogo entre eleitores e parlamentares, Mário Mello, ex-diretor do PayPal para a América Latina, criou o aplicativo Poder do Voto. “Nossa inspiração foi o voto distrital”, explicou Mello no programa Perguntar Não Ofende. “Essa ferramenta possibilita uma espécie de conversa semanal entre eleitores e parlamentares, baseada em temas relevantes que vão impactar o país”.

Lançado oficialmente nesta semana, quando um enorme binóculo laranja, símbolo do aplicativo, foi inflado em frente ao Congresso Nacional, o app permite aos usuários seguirem até três senadores e um deputado federal. A partir daí, é possível saber como esses parlamentares se comportaram diante de determinadas leis. Toda semana, um relatório é enviado aos congressistas, que poderão saber o que pensam seus seguidores.

“Queria ver meus filhos crescerem num país mais justo e mais transparente”, diz Mello, ao explicar o que o levou a deixar o mercado financeiro para se dedicar à elaboração do aplicativo. “Seguindo um caminho que começou com as manifestações de 2013, nosso objetivo é transformar desesperança em mudança”.