Cabral é condenado a mais 12 anos e 10 meses de prisão; penas agora somam 183 anos

  • Por Jovem Pan
  • 13/09/2018 08h01
Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência BrasilCabral foi condenado a mais 12 anos e 10 meses de reclusão

No mesmo dia em que conseguiu na Justiça o direito de receber visita íntima da esposa, Adriana Ancelmo, ex-primeira dama do Estado do Rio de Janeiro, no complexo de Bangu, onde está preso, o ex-governador Sérgio Cabral Filho “ganhou” da Justiça fluminense uma nova condenação.

Cabral foi condenado a mais 12 anos e 10 meses de reclusão por crimes de fraudes à licitação, em obras do PAC das favelas e da reforma do Maracanã, constatadas em desdobramento da Lava Jato.

As irregularidades foram constatadas em desdobramento da Lava Jato no RJ.

Nesta terça-feira (11), Cabral já havia sido condenado a 47 anos e oito meses de reclusão. Agora, as oito condenações aplicadas a ele até agora somam quase 183 anos de reclusão. Cabral ainda é réu em outros 24 processos na Justiça fluminense.

*Informações do repórter Rodrigo Viga